sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Bruno de Carvalho, um Presidente que faz bem ao Benfica



Bruno de Carvalho. Basta ficar 5 minutos a analisar-lhe as expressões para perceber que há ali qualquer coisa que não bate bem - quer dizer, o senhor não joga com o baralho todo. De olhos esbugalhados, discurso arrogante e sem nexo, o peculiar Presidente do Sporting vai alimentando a fogueira com a acendalha que o elevou e o mantém no poder: o anti-Benfica.

Nessa sua saga infernal de explorar o mais forte fraquinho dos sportinguistas, não vê limites nas palavras e nas acções: tanto pode mentir descaradamente aos sócios sobre um determinado assunto e logo depois defender o seu contrário; enviar cães de fila para denegrir o treinador da equipa de futebol, criando um ambiente pavoroso entre técnico e jogadores; colocar em causa a idade e honra de um miúdo de 18 anos que joga no rival; entrar no Sporting com a promessa de ter garantido uma parceria com um fundo, depois inventar uma perseguição  aos fundos que acabou na obrigatoriedade de tirar mais de 20 milhões de euros às já muito frágeis contas do clube, e logo a seguir anunciar mais uma parceria com um... fundo.

Bruno de Carvalho segue em frente, sempre em frente. Por mais ridicularizado que seja pela realidade, por mais derrotas nos tribunais, nos campos de futebol, na comunicação, de Carvalho vai em fuga permanente até ao abismo final. Leva nas mãos a bandeira do anti-Benfica mas ela já não convence todos os sportinguistas que começam a compreender a manobra de diversão. 

Ao Benfica já nem interessa responder. Se eu fosse Director de Comunicação do Glorioso, mandaria calar todos os papagaios Guerras, Gomes da Silva,  Venturas e quejandos. A melhor coisa para queimar Bruno de Carvalho é Bruno de Carvalho. Com a sua arrogância, com a sua desesperada sede de protagonismo, com a falta de dignidade, a pobreza de espírito, a boçalidade, o tipo dá tiros nos pés a cada intervenção aos microfones, a cada post no facebook.

É deixá-lo arder sozinho. E agradecer-lhe a saga paranóica que teve para evitar que o Benfica dobrasse o Sporting em campeonatos nacionais. Não só ninguém foi atrás da burla dos 4 campeonatos como ainda recebemos mais 3 Taças de Portugal para o nosso palmarés sem mexermos uma palha. Já merece um espaço no Cosme Damião.

Sem comentários: