quarta-feira, 16 de novembro de 2016

JORGE JESUS: «TUDO O QUE NÃO SEJA ELIMINAR O PRAIENSE É MAIS DO QUE ANORMAL»

Preparação foi a mesma que para Real Madrid ou Dortmund



O Sporting recebe na quinta-feira o Praiense em jogo da 4.ª eliminatória da Taça de Portugal (20H15) e Jorge Jesus reconhece que os leões trabalharam para o encontro da mesma forma que o fizeram para os encontros da Liga dos Campeões.

"Todos os clubes e todos os adeptos são apaixonados por esta competição. Todos querem estar no Jamor, é uma festa linda. Em 10 jogos, o Praiense tem 8 vitórias e 2 empates no campeonato deles, o Agatão está a fazer um bom trabalho. O Sporting tem mais a perder do que a ganhar: tudo o que não seja eliminar o Praiense é mais do que anormal. Temos respeito pelo adversário. Trabalhámos para o jogo como o fizemos para o Dortmund ou para o Real Madrid. Conhecemos bem todas as equipas que defrontamos e vamos tentar fazer o nosso melhor e isso é ganhar e passar esta eliminatória", afirmou o técnico do Sporting esta quarta-feira em conferência de imprensa que, desta feito, decorreu em Alcochete.
E reforçou o empenho da equipa na competição. "É um jogo de tanta responsabilidade como o que se segue [Real Madrid, na próxima terça-feira]. A responsabilidade do Sporting amanhã é passar a eliminatória e não será só amanhã que vamos despertar essa responsabilidade."
Alterações na equipa, essas, já parecem ser mais do que um dado adquirido. "Em relação aos últimos jogos vamos ter mexidas, porque ainda faltam chegar cinco jogadores. Forçosamente vamos ter alterações. Trabalhámos com uma intensidade completamente diferente de quando competimos, mas acho que foi benéfica para alguns jogadores como o Alan, Elias, Douglas ou Petrovic
daqui


1 comentário:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.