quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

excelente conteúdo

o homem do dia

Parabéns Futre!

Eles estão de volta

«Bruno de Carvalho nunca fez nada na vida, nem sei mesmo se tem emprego, e por isso não lhe reconheço capacidade para dirigir o clube.»

As calúnias gratuitas e as suspeições infundadas, pilares de uma campanha de tentativa de assassinato de carácter que fez parte da estratégia principal de combate a Bruno de Carvalho há dois anos, estão de volta.
Não é que eu esperasse que alguém como Carlos Barbosa, dono de uma fome de protagonismo que nunca mais acaba, tivesse aprendido que a deselegância e a calúnia não servem de argumento.

Mas podia ter aprendido que os sportinguistas são inteligentes e não vão em cantigas. Muito menos de alguém como ele.

post daqui

Jesus não queria ir à final da Taça da Liga



A Taça da Liga vale o que vale: é um troféu nacional.

O Benfica já tem 4.

Foi um troféu que nos últimos anos serviu para mitigar o sofrimento provocado por um FC Porto superior.

Na sua 4.ª época no Benfica, JJ não quer perder o 3.º campeonato para os azuis e brancos.

Por isso, abdicou da Taça da Liga ao jogar em Braga com uma equipa de reservistas e muito pouco motivada.

O próprio Jesus disse tudo no final quando afirmou que nem sequer festejaria se o Benfica tivesse seguido em frente.

Não seguiu. E bem. O Sp. Braga foi melhor e estava a merecer a tal pontinha de sorte.

Claro, ficou um penálti por marcar aos 77' por falta sobre Gaitán. Mas será que a equipa que em 5 penalties falhou 3 iria aproveitar essa oportunidade?

O resto foi tudo normal. Carlos Martins, depois de dois dias de cânticos, lá saiu à procura de nova palmilha (ele que seria uma dos marcadores dos penálties de desempate) e Kardec ficou no banco mas foi o primeiro a twittar os incidentes com o autocarro.

Não vou falar neles.

Prefiro falar nos incidentes ocorridos no relvado. Ao intervalo. Quatro belas pedradas.

post daqui

Mourinho sobre Tito Vilanova

A rivalidade em Espanha costuma, claro, alimentar os dias que antecedem os clássicos. Mas do país vizinho também chegam exemplos de desportivismo em tons lusitanos. José Mourinho, sempre característico nos seus mind games (jogos psicológicos) antes dos clássicos esqueceu os duelos e deixou uma mensagem de apoio ao treinador do Barcelona, Tito Vilanova.

«Como está Tito? Transmite-lhe a minha força e apoio para que recupere rapidamente», revelou o Special one a Jordi Roura - adjunto de Tito - segundo escreve o jornal Marca, esta quinta-feira.

Também Florentino Pérez enviou uma mensagem de apoio ao treinador do Barcelona que recupera em Nova Iorque de problemas de saúde.

Recorde-se que José Mourinho e Tito Vilanova já tiveram alguns 'problemas', nomeadamente na segunda mão da Supertaça espanhola da época anterior... algo que parece ultrapassado há muito.
daqui

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

autocarro do Benfica atacado à pedrada

mais uma vez, cenas que em nada dignificam o futebol nem o desporto em particular. segundo notícia da antena 1 o autocarro encarnado foi atacado à pedrada 5 Kms à frente do estádio do Braga.
o autocarro encontra-se neste momento parado e com um enorme dispositivo de segurança à sua volta.
saiba mais aqui

«Jesus tinha despedido o jogador pela televisão»




foi praticamente despedido por Jorge Jesus numa entrevista televisiva, hoje, na lotaria das grandes penalidades parou duas - na outra Roderick Miranda chutou ao lado.

uma vitória saborosa para os bracarenses, em especial para Quim, guarda-redes, que, pelo que dizem à boca pequena só não continuou no Benfica pelo feitio complicado que tinha no balneário.

não sabiam pois não?!..., eu desconfiava, mas enfim,... ao Benfica resta o campeonato, a taça de Portugal e, quem sabe, ir longe na liga europa se Jesus mantiver os melhores nos jogos do mata mata.

Parabéns ao Braga!, triste a figurinha de mau perder do técnico encarnado na flash interview.

«Vieira não irá encontrar outro Jesus»

A renovação de Jorge Jesus com o Benfica tem sido um tema a dominar a atualidade encarnada. Manuel Sérgio crê que Vieira «não irá encontrar outro Jesus».
«Eu acho que o presidente Luís Filipe Vieira não irá encontrar um treinador com tudo aquilo que o Jorge Jesus já deu ao Benfica.

Temos de analisar o Benfica antes e depois de Jorge Jesus. Como estava e como está. Eu acho que a SAD do clube acabará por renovar o contrato com ele», avisou Manuel Sérgio, em declarações à Antena 1. Manuel Sérgio defendeu ainda que Jesus é «um grande treinador».

«O Jorge Jesus é um grande treinador. É um homem que lê muito bem o jogo.
Já assisti a muitos treinos dele e vê-se a intensidade com que trabalha projetando o treino como antecâmara do jogo», referiu.

Sobre o jogo com o SC Braga, Manuel Sérgio crê que o Benfica «está melhor».

«O Benfica tem mais força, mais velocidade e mais resistência.
O Benfica tem isso. Eu não estou a dizer que o SC Braga não possa ganhar mas em princípio, no meu modesto entendimento, nesta altura o Benfica é mais forte, pela classe dos seus jogadores e pelo espírito que hoje anima a equipa.
O Benfica é hoje uma equipa a atravessar um bom momento psíquico e psicológico», sublinhou.
O Benfica joga em Braga, esta noite, em jogo das meias-finais da Taça da Liga.
daqui

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

imagens raras da privacidade de Mourinho

há gente capaz de tudo, não sei se Mourinho já teve acesso a estas imagens, mas uma coisa é certa: quase de certeza que é para mudar de casa ou então reforçar a segurança.
enfim...lamentável, até conseguiram filmar o homem a levar o pequeno almoço à esposa.

também me parece que algumas imagens não são actuais e existe alguma montagem neste trabalho. ou será que não?!

pelos vistos, está tudo explicado aqui

(actualizado às 00:24)



Real Madrid aplica chapa 3 em Camp Nou


o regresso de Maradona a Napoles (vídeo)

«onze/sistema provável de Barcelona e Real Madrid»

antevisão do Barcelona - Real Madrid (vídeo)

Catalães treinaram-se em dia de jogo

Fotografia do site do Barcelona (foto D.R.)
 
 

O plantel do Barcelona treinou-se esta manhã, antes de o treinador Jordi Roura divulgar a lista de convocados para o clássico desta noite diante do Real Madrid.

O substituto de Tito Vilanova no comando da equipa catalã contou com 23 jogadores, estando todos convocados para o clássico.

Dúvida apenas em torno da condição física de Adriano, que só mais tarde se saberá se poderá ou não ser utilizado.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

mas que golo?!...

Napoli, reminiscência da “Mágica” e um sonho silencioso

29 de abril de 1990. Estádio San Paolo, em Nápoles.

A história desenlaçava lentamente a existência fulgurante de um gigante à sombra do Vesúvio. Careca, Alemão, Carnevale e a lenda Maradona pisavam o último pedaço de glória do Napoli antes de uma negrura longa e dolorosa. Com o segundo scudetto na mão, a “Mágica” bateu no adeus daquela época a Lazio por 1-0 com um golo solitário entre milhares de tifosi no mítico San Paolo; foi Baroni o autor, logo aos sete minutos. Festejou-se nessa tarde; chorou-se durante mais de duas décadas.

«Um sonho impronunciável»

Quase 23 anos depois, é tempo de regressar a Nápoles. Absorver-lhe a saudade de uma era esbatida e gasta pela erosão do tempo. A “Mágica”, como os napolitanos a batizaram, mora na memória e nos corações desta gente, orgulhosa e inseparável do clube que lhes afaga a alma. O pretexto é simples: nunca como esta temporada o Napoli acaricia o sonho do scudetto, do título dos títulos para qualquer italiano apaixonado pelo calcio. A quatro pontos da Juventus [n.d.r. o texto foi produzido antes da partida da 26ª jornada] e com o confronto direto marcado para a ronda 27, a legitimidade de perguntar por esse objetivo soa razoável.



Scudetto é uma palavra que nenhum napolitano pronuncia, mas é um sonho, uma vingança contra o norte
Encontrámos, por isso, Salvatore Severino, adepto por inteiro e guia nesta viagem ao estado de alma dos napolitanos. Cordial e simpático à boa maneira transalpina, faz questão de deixar um aviso assim que ouve a palavra scudetto: «O grande objetivo do Napoli é regressar à Europa ‘que interessa’, a Liga dos Campeões. Scudetto é uma palavra que nenhum napolitano pronuncia…» atira em conversa com o zerozero.pt, antes de deixar escapar o desejo ardente: «Mas claro que é um sonho para o Napoli e para a cidade; uma vingança contra os clubes do norte» confessa Salvatore.


«Aqui, todos os domingos uma população inteira desloca-se para apoiar o clube do coração, vivemos intensamente todos os jogos. E quanto ao título, eu pessoalmente acredito que é possível», prossegue o nosso interlocutor napolitano que, no entanto, resgata a razão para apontar um dos defeitos do conjunto liderado por Walter Mazzarri: «Tivemos tantas oportunidades para alcançar a Juventus… frente ao Torino, por exemplo, sofremos o empate a um minuto do fim. É preciso manter alguma consistência», lamenta Salvatore, para quem a Juventus – do norte, a histórica rivalidade italiana - «não é imbatível.»

A equipa mais forte depois de Maradona

Não há como contorná-la, à comparação de tudo o que veio depois da “Era” Maradona. Em Nápoles ainda se pressente a aura de El Pibe a cada esquina, a cada recordação invocada. Salvatore suspira e olha para o presente com um brilho nos olhos: «Depois da “Mágica” de Maradona, Careca e Giordano, Cavani, Hamsik e Pandev ofereceram a esta cidade alegrias que há muito não vivíamos. Esta equipa é a mais forte depois da de Maradona, um misto de habilidade, fantasia e técnica.» É a esperança no sonho silencioso do scudetto…

Antes do addio a Salvatore, mais uma incursão no sentimento napolitano. A equipa “desapareceu” em 2004 afogada em dívidas; chorou-se a “morte” do querido Napoli que, qual fénix dourada, renascia lentamente nas profundezas do futebol italiano: «Recordo o San Paolo com 40-45 mil adeptos nos jogos da Serie C – 3ª divisão. Sentimos o clube como nosso e jamais o abandonamos em qualquer situação, por mais difícil que seja. Para nós napolitanos, o Napoli é o nosso motivo de existência, algo mais para lá de uma simples equipa; o Napoli é o estado de alma de uma cidade». Grazzie Salvatore.




Edinson Cavani ascendeu a nova lenda no San Paolo, figura maior de uma equipa que faz sonhar os napolitanos ©Site SSC Napoli
Da paixão do adepto à razão do observador


Na sempre complicada descida do pedestal da emoção para o equilíbrio da razão, a viagem por Nápoles levou o zerozero.pt à conversa com Roberto Ventre, jornalista do diário Il Mattino e observador atento da realidade do Napoli. Para criar a base de um conversa franca e realista, impunha-se a pergunta: Esta equipa é capaz de roubar o título à Juventus? «Sim, os resultados até ao momento provam que pode chegar para o scudetto» responde Roberto Ventre, que deposita confiança na qualidade de Cavani e companhia.

No entanto, qual déjà vu à moda italiana, o repórter deixa um aviso repetido: «Para chegar ao título é preciso manter uma certa continuidade e consistência no rendimento, e esse pode ser o grande perigo para a equipa do Napoli.» Pois, já nos tinham avisado sobre isso. «E a partida com a Juventus será fundamental, claramente», acrescentou de seguida. É já no próximo fim de semana o grande duelo em Itália.

E com o foco na luta a dois entre a Namorada de Itália e o «gigante» do sul, qual será a importância de um facto consumado na semana passada: o Napoli está fora da Liga Europa, a Juventus continua com aspirações na Champions.

«É seguramente uma vantagem para o Napoli ficar apenas centrado na Serie A, sobretudo porque o campeonato é o objetivo desde o início da época. Por isso a eliminação na Liga Europa é menos má, visto que não era uma prova prioritária para o clube. Acredito que sem essa preocupação pode ser uma vantagem na luta com a Juventus», admite Roberto Ventre ao zerozero.pt.

«Uma grande oportunidade»

Desde que regressou ao principal escalão do futebol transalpino em 2007, o Napoli só em 2010/2011 se aproximou do topo, terminando a época no 3º lugar. Já habitavam o San Paolo as novas «lendas» Edinson Cavani, Marek Hamsik ou Ezequiel Lavezzi; o último já partiu para Paris e sobretudo Cavani pode não estender por muito mais tempo a estadia em Nápoles. É, por isso, esta a última grande oportunidade para a geração de ouro pós-Maradona levantar o supra-sumo dos títulos italianos?

«Não sei se será a última oportunidade, mas seguramente que esta época existe uma grande possibilidade para vencerem o campeonato, porque o nível da Serie A é um pouco mais baixo comparativamente aos anos anteriores. E depois o treinador Walter Mazzarri tem apresentado sempre a melhor equipa no campeonato, mais fresca, numa aposta clara nesta competição. Não sei se é a última, mas é seguramente uma grande oportunidade…», finaliza Roberto Ventre.

Para já segue-se a Juventus no San Paolo. Adivinha-se mais uma tarde de romaria em massa de uma cidade que guarda no coração apertado um sonho silencioso…

Recorde aqui a história do Napoli com o zerozero.pt

«toda lavadinha e cheia dele»

«Clássico será decidido nos detalhes»

Jordi Roura, treinador interino do Barcelona, já projetou o jogo com o Real Madrid, desta terça-feira, a contar para a segunda mão das meias-finais da Taça do Rei.

O técnico espera um jogo «complicado». Roura crê que «não há um favorito claro» e, por isso, vão ser «pequenos detalhes a decidir a eliminatória».

O treinador do Barcelona, enquanto Tito Vilanova continua ausente devido a problemas de saúde, falou ainda sobre Messi.

«O Leo é muito competitivo. Nesse sentido, o jogo com o Real é muito importante, mas não creio que por isto ele esteja mais motivado. Ele está sempre motivado», afirmou.

Na primeira mão registou-se um empate a uma bola, com golos de Varane (Real Madrid), e Fàbregas (Barcelona).

daqui

derby de Milão

empate no derby de Milão, ficha do jogo, aqui

domingo, 24 de fevereiro de 2013

breves de um futebol cada vez com mais nervos

o Benfica não descola do FC Porto, esta noite, na luz, chapa três ao terceiro classificado deste campeonato.

Costinha estreou-se com uma derrota diante do Setúbal!, pelos vistos, o homem é mais um pé frio, geralmente - na maior parte dos casos - uma equipa quando muda de treinador raramente perde no primeiro jogo, Costinha perdeu!
áh! uma nota - vergonhoso no campeonato português a facilidade com que se deixa os clubes contratar treinadores apenas com o II nível de curso!
Costinha, apenas tem o nível I, só dá para ser treinador nos distritais, nem na III divisão pode ser treinador principal.

o Olhanense de Cajuda voltou a perder, cuidado, muito cuidado que isto não está fácil.

muito triste tudo o que se passou no Afonso Henriques, entre as claques do Vitória local e o Braga no jogo das equipas B.

o Belenenses continua a não dar hipóteses na II Liga - estão quase, quase na I Liga.

para finalizar, umas imagens espectaculares do estádio onde Guardiola na próxima época vai mostrar o que realmente vale, sim, porque, treinar o Barcelona com jogadores que jogam juntos desde a sua formação é uma coisa, treinar uma outra constelação de estrelas internacionais pelos seus países é outra bem diferente.

«onzes de Benfica e Paços de Ferreira»

BENFICA: Artur; Maxi, Luisão, Garay e Luisinho; Salvio, Enzo, Matic e Ola John; Lima e Cardozo

Suplentes: Paulo Lopes, Aimar, Carlos Martins, Rodrigo, Gaitán, Jardel, André Almeida.


P. FERREIRA: Cássio; Tony, Tiago Valente, Ricardo e Diogo Figueiras; Luiz Carlos, André Leão e Vítor; Hurtado, Cícero e Josué

Suplentes: António Filipe, Cohene, Caetano, Poulson, Nuno Santos, Manuel José e Filipe Anunciação.

Óscar Cardozo e Lima juntos um mês depois

Lima (foto AP)
 
Dupla foi titular pela última vez a 21 de janeiro. Só se cruzaram uma vez nos últimos sete jogos. Já marcaram 15 vezes aos castores.

O jogo de hoje com o Paços de Ferreira, no Estádio da Luz, deve marcar o reencontro, no onze do Benfica, entre Óscar Cardozo e Lima, os dois melhores marcadores da equipa esta época, em todas as provas: o paraguaio de 29 anos tem 21 golos, o brasileiro, também de 29 anos, conta 20.

É preciso recuar até 21 de janeiro, quando as águias jogaram em Moreira de Cónegos, para a 15.ª jornada da Liga (2-0), para ver Lima e Cardozo juntos, de início. O Tacuara saiu aos 65 minutos, cedendo o lugar a Rodrigo, ao passo que Lima ficou em campo até aos 86 e acabaria por fazer o segundo golo encarnado (71), depois de Salvio ter inaugurado o marcador (48).
 
será mesmo assim, hoje, com o Paços de Ferreira?
 

cambada de palermas

não entendo como tanto palerma diz que foi feita justiça ao Boavista,...áh!, pois...é a tal coisa dos fios soltos nos processos judiciais e não só.

bem me parecia que tudo isto ia dar nisto, escrevi aqui que João Loureiro sabia ao que vinha quando regressou - não passa de um oportunista.

e na consciência das pessoas, ou melhor, na do povo?
quase todos nós percebemos que o castigo foi bem aplicado, apenas faltou o rival da cidade também levar a mesma dose..., mas afinal estamos em Portugal e não na Itália.
máfia Italiana? também, mas pelo menos no futebol italiano faz-se justiça e...rápida!

que houve corrupção quase ninguém duvida, só os fanáticos pelos seus clubes assim não entendem, mas é a tal coisa:
os pequeninos é que se lixam sempre - o Boavista lixou-se e Pinto da Costa ficou-se a  rir.

o FC Porto - Rio Ave

sábado, 23 de fevereiro de 2013

José Mourinho e o sonho que não é obsessão

"O que eu quero dizer aos jogadores é que nós queremos perseguir um SONHO, sim, é verdade, mas uma coisa é perseguir um sonho e outra coisa é perseguir uma obsessão, e isto não é uma obsessão, é apenas um sonho.

Nós temos o sonho de jogar a final da Liga dos Campeões e para o Barcelona não é um sonho, é uma obsessão, e existe diferença entre um sonho e uma obsessão.

Um sonho é mais puro do que uma obsessão, um sonho tem a ver com o nosso orgulho".


através do notícias do futebol

Sporting permite reviravolta do Estoril e perde antes da receção ao FC Porto (3x1)

A uma semana de receber o FC Porto, o Sporting regressou às derrotas para a Liga Zon Sagres e ficou mais longe dos lugares da Europa, saindo do Estádio Coimbra da Mota vergado a um resultado de 3x1.

Os leões, que vinham de uma vitória moralizadora em Barcelos, até entraram bem no encontro. Aos cinco minutos já venciam por 0x1, mas ainda antes da primeira parte já perdiam por 2x1 (golos de Jefferson e Steven Vitória) depois de um apagão nos holofotes do estádio que obrigou o jogo a estar parado cerca de 20 minutos. Na segunda parte, Van Wolfswinkel falhou um penálti (mais um!) e Carlos Eduardo sentenciou o jogo logo a seguir, fazendo o 3x1 através da marcação de um livre.

Desta forma, o Sporting mantém os 22 pontos com que entrou para a jornada 20 e vê o Estoril, que entrou para esta ronda em igualdade pontual com os leões, a fugir na tabela classificativa. Está cada vez mais complicada a luta pela Europa.

Apagão eclipsou Sporting

A primeira parte do encontro ficou marcada por um apagão que obrigou a uma interrupção de jogo de quase 20 minutos. A falta de luz aconteceu por volta do minuto 18 e até então o Sporting era dono e senhor do jogo.


Wolfswinkel marcou mas falhou uma grande penalidade ©Carlos Alberto Costa
Além de estar melhor, os comandados de Jesualdo Ferreira venciam por 1x0, graças a um golo Ricky van Wolfswinkel, apontado aos cinco minutos após assistência de Bruma. Até à falada interrupção, o resultado justificava-se plenamente e os jogadores leoninos só eram parados com o recurso à falta por parte dos adversários.

Mas o Sporting que se viu nos primeiros 18 minutos apagou-se com a luz do Estádio Coimbra da Mota. No reatamento do encontro, Labyad ainda obrigou Vagner a uma grande defesa mas do ataque leonino mais nada se viu, enquanto o do Estoril começava a crescer e a preparar a reviravolta.

Primeiro foi Rui Patrício, com uma grande defesa, a negar o golo quase certo a Licá. O remate defendido pelo guarda-redes resultou no pontapé de canto que viria a dar no tento do empate. Aos 33 minutos, Jefferson rematou em arco e apontou um golo bem vistoso que não deu qualquer hipótese de defesa a Patrício.

O Sporting não soube reagir ao empate e permitiu que o Estoril ficasse por cima do encontro, situação que, aliada a uma desconcentração e a um erro clamoroso de Rui Patrício, resultou na reviravolta no marcador. O guardião dominou mal a bola, Licá «roubou-a» e foi travado em falta. Na conversão da grande penalidade, Steven Vitória fez o 2x1, a cinco minutos do intervalo.

Wolfswinkel falha penálti, Carlos Eduardo mata o jogo logo a seguir



Vagner foi o homem do jogo ©Carlos Alberto Costa
Obrigado a correr atrás do golo do empate, depois de ter estado na frente do marcador, o Sporting entrou na segunda parte claramente para jogar ao ataque mas o jogo ofensivo que criou foi inconsequente.

Na verdade, o Estoril, de certa forma, também permitiu que os leões crescessem no encontro, de modo a tentar explorar alguma saída para contra-ataque, mas os verdes e brancos não permitiram que tal acontecesse.

Dos ataques registados, apenas um lance é digno de realce e não foi criado numa jogada de ataque construído. Foi sim da autoria de Zezinho que, aos 52 minutos, pôs Vagner à prova com um remate de longe.

Melhor oportunidade do que a de Zezinho só Ricky van Wolfswinkel é que teve direito. Aos 75 minutos, André Carrillo foi carregado em falta na área mas o holandês, chamado a converter, permitiu a defesa de Vagner.

O guarda-redes do Estoril, um dos melhores em campo, segurou a vitória pela margem mínima e, dois minutos depois, Carlos Eduardo, na marcação de um livre, bateu Rui Patrício pela terceira vez e assegurou a conquista dos três pontos. O resultado só não foi mais pesado para o Sporting porque Gerso rematou à barra a três minutos dos 90.
daqui

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

«ah grande Leonor Pinhão»

Leonor Pinhão é uma daquelas pessoas que não esconde o seu fanatismo pelo Benfica, nem sempre concordo com ela, mas este artigo em baixo é de louvar. enfim...Rui Cerqueira com essas declarações cavou a sua própria sepultura no FCP. não tenho dúvidas, na próxima época vai levar o mesmo tratamento que João Gabriel levou no Benfica. esta gente parece que ainda não percebeu que hoje em dia o bom nome das SAD,s está sempre em primeiro lugar.


No sentir do diretor de comunicação do FC Porto, o destino do Vitória de Setúbal é seguir direitinho para a segunda divisão. Assim terá expressado, esse seu particular sentir, através da sua página no Facebook.

Tal como o Youtube, o Facebook é, não restem dúvidas, uma grande invenção do século XXI.
Como é do conhecimento geral, o Vitória de Setúbal atreveu-se a reagir e a contestar formalmente a decisão do Conselho de Disciplina da FPF que mantém o FC Porto na Taça da Liga declarando inválida a tal questão das 72 horas que poderia, se a apreciação fosse outra, beneficiar os sadinos com uma repescagem que muito lhes viria a calhar porque a Taça da Liga dá bom dinheiro aos clubes participantes.

E o Vitória de Setúbal vive com dificuldades na tesouraria, o que o torna igual à quase totalidade dos clubes portugueses e à quase totalidade dos cidadãos igualmente portugueses.
José Mota, o treinador do Bonfim, não gostou da decisão dos conselheiros da disciplina da FPF e desabafou:

«O nosso mundo é feito de injustiças». O desabafo do professor Mota foi à TSF e, em resposta sentida, o diretor de comunicação do FC Porto desabafou no Facebook. Deste modo: «Se houver justiça vai para a SEGUNDA brevemente...»

 Assim mesmo, com «a SEGUNDA» em letras maiúsculas, capitulares, o que deixa entender a dimensão da ameaça e a alta probabilidade de vir a acontecer a relegação do histórico clube de Setúbal para a segunda divisão do nosso futebol.

Teria sido, provavelmente, mais apropriado meter as letras maiúsculas noutro lugar da frase dando-lhe um ênfase diferente.
Imagine-se que era assim: «Se houver JUSTIÇA vai para segunda brevemente...» Com a JUSTIÇA em maiúsculas e com «a segunda» em minúsculas, realçava-se a questão premente da igualdade perante a Lei para todos, grandes ou pequenos, em justo detrimento da crueldade da praga lançada sobre as aspirações desportivas do Vitória de Setúbal e do seu treinador.

Não foi a primeira vez, nem será a última certamente, que desabafos provocatórios, mal medidos ou meramente irresponsáveis despejados nas redes sociais vêm dar um colorido suplementar às discussões das coisas do futebol.

Já vimos observadores da Liga e até jogadores a aproveitar estas modernas tecnologias da informação para dizer o que lhes vai na alma sem intermediários nem censura. Nem sequer é novidade, portanto.

A única novidade desse último qui pro quo institucional via Facebook é o facto, aliás incrível, de o Vitória de Setúbal ter ganho com muito valor e mérito os dois últimos jogos que disputou para o campeonato e com esses 6 pontos somados ter conseguido dar um valente salto na classificação afastando-se dos lugares perigosos onde se encontrava.

É verdade que ainda falta muito campeonato e que nada está decidido nem no topo nem no fundo da tabela. Fica por isso mesmo a curiosidade instalada sobre o destino do Vitória de Setúbal no fim da corrente prova. Desce? Ou não desce? Quem é que manda aqui?

-Leonor Pinhão, jornal A Bola, 21 de Fevereiro de 2013

«Para os canteranos Mourinho é o melhor do mundo»

Álvaro Morata é um dos canteranos que mais oportunidades tem tido na equipa principal do Real Madrid e por isso está grato a Mourinho, treinador que defende e que considera «o melhor do mundo».

«Para os canteranos Mourinho é o melhor do mundo. É um treinador muito próximo, que nos dá muitos conselhos. Cumprimenta-nos e brinca connosco, como com qualquer outro do plantel. Mourinho trata-nos bem», garantiu o avançado esta sexta-feira em conferência de imprensa.

Sobre o último jogo, com o Rayo Vallecano, em que foi titular, marcou e saiu aos 27 minutos, devido à expulsão de Sérgio Ramos, Morata assume que «já contava» ser o preterido. «Para dizer a verdade já contava ser substituído quando vi a expulsão. Percebi que me tocaria a mim sair, não por ser canterano mas porque é uma circunstância normal tirar-se o avançado para lançar um defesa», clarificou o jovem.

Quanto ao Deportivo de la Coruña, próximo adversário do Real Madrid na liga, Morata considerou tratar-se de um oponente «difícil». «Amanhã há um jogo bastante importante contra o Deportivo e sabemos que vai ser uma partida muito difícil no Riazor. Todos os rivais dão o seu melhor perante o Real Madrid, mais ainda com um treinador novo que os vai fazer dar tudo para sairem da situação em que se encontram», anteviu o ponta-de-lança.

Por fim, Morata foi questionado acerca de Benzema e Higuaín, os outros dois avançados do plantel, e só teve elogios para os companheiros. «Admiro os dois e as ganas que ambos põem em campo. Higuaín é um exemplo pela superação no dia-a-dia e Benzema pela sua qualidade», referiu o avançado de 20 anos.
daqui

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

sempre em frente

o Benfica conseguiu passar aos 1/8 de final da liga europa, num jogo que não foi fácil mas valeu por vários aspectos deveras surpreendentes e emocionantes.

aspectos surpreendentes?
para os distraídos, a valorização de Ola John como um grande (mais um) activo encarnado. que grande golo esta noite?!...

aspectos emocionantes?
a maneira como Jorge Jesus fala do Paços Ferreira,! constou que alguns adeptos do Paços não resistiram à emoção de ouvir as palavras de Jorge Jesus esta noite.
até já há que diga na capital do móvel que só o Barcelona os ultrapassa.

áh!, Jorge Jesus, como sempre, anda adiantado no tempo - diz que o campeonato alemão é actualmente o melhor do mundo.
quanto a mim ainda não é, mas um dia (mais breve do que se espera) será!...e aí vão-se lembrar do 'cavalo branco'...como é tratado com carinho entre os amigos.
alguns não sabiam, pois não?!...agora ficaram a saber. lol!

Carlos Manuel - «No meu tempo era obrigatório ganhar sempre»

Carlos Manuel, antiga glória do Benfica nos anos 80, afirma que as águias são favoritas a eliminarem o Bayer Leverkusen dos 16 avos de final da Liga Europa.

«O Bayer é uma boa equipa, difícil mas o futebol hoje não é fácil.

As estratégias que se arranjam são bem pensadas pelos treinadores. O Bayer vem com a ideia de passar a eliminatória.

É preciso ter cautela. a vitória na Alemanha é uma vantagem mas o Bayer está num campeonato difícil, bom e ganhou no último domingo.

Jogar fora tem muito que se lhe diga. A vantagem do Benfica dá para se precaver face aos trunfos que o Bayer pode ter para jogar», frisou o antigo aos microfones da Antena 1.

Carlos Manuel abordou ainda o facto de Jorge Jesus apostar no campeonato em detrimento da Liga Europa.

«O Benfica está nas frentes todas. Sempre foi assim. Já no meu tempo era obrigatório ganhar sempre», recordou.

daqui

Vítor Pereira muito diferente em relação a Jorge Jesus

o discurso de Vítor Pereira em relação às palavras de Jorge Jesus - que dá prioridade ao campeonato - faz toda a diferença sobre o pensamento das equipas técnicas dos dois candidatos ao título nacional.

enquanto um mantém praticamente o mesmo sistema e o mesmo lote de jogadores em quase todos os jogos, o outro muda sistematicamente de sistema e de jogadores de jogo para jogo.
gostava de perceber como se queria rotinas dessa maneira?!...mas enfim... aqui fica as declarações de Vítor Pereira:

Discorda de JJ

Instado a comentar as recentes declarações de Jorge Jesus, treinador do Benfica, que afirmou esta semana que a equipa que abandonar as competições europeias mais cedo tem vantagem na luta pelo título, Vítor Pereira diz que «respeita» a «posição» do treinador das águias mas acaba por discordar.

«Acredito que é possível ser campeão e manter as aspirações na Champions, se não não valia a pena tanto trabalho para continuarmos em prova.
Acredito que é possível fazer uma gestão de forma a estarmos bem, a desligarmos o chip da Liga dos Campeões e a voltarmos ao do campeonato, que é uma luta, tem sido bonita entre as duas equipas e acredito que se vai prolongar ainda durante algum tempo, mas que não invalida as nossas aspirações também na Liga dos Campeões».

Apesar da discordância, Vítor Pereira aproveitou para repetir uma frase, e objetivo, já muito badalado esta época, mas lembrou do aliciante que representa disputar a maior prova de clubes do Mundo.

«Não é segredo que o nosso principal objetivo é o campeonato e acredito que dos nossos adeptos. Mas a prova que me dá mais prazer, a treinadores e a jogadores, é a Liga dos Campeões, é a maior prova da UEFA, dizer que não nos entusiasmamos com uma prova como esta não estaria a ser verdadeiro.

Estamos focados no campeonato, este é um momento importantíssimo na luta pelo título e quando chegar a altura da Champions, cá estaremos para dar a resposta e fazer a gestão necessária».
daqui

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Milan shock Barça!




sem tirar nem pôr!, Milan venceu por 2-0 o Barcelona hoje em San Siro.

Veja a antevisão feita por Rui Tovar ao Benfica-Bayer Leverkusen

um verdadeiro espectáculo a forma como Rui Tovar analisa o futebol e, neste caso, a antevisão do jogo de amanhã, na Luz.
entre aqui e assista.

Miguel Sousa Tavares e Rui Moreira

confesso que fiquei um pouco admirado ( por outro lado com alguma alegria, penso da mesma maneira para esse tipo de lances) ao ler as crónicas de MST e RM no jornal «A Bola» relativamente ao penalty assinalado contra o Olhanense no dragão e que Jackson Martínez falhou.

tanto um como outro não consideram que aquele lance deveria ter sido assinalado e, muito bem!
(...) basta consultar os regulamentos e tentar perceber o que é bola na mão (nesse caso, no braço) e mão na bola.
só em Portugal se considera esse tipo de lances como grande penalidade, enfim...uma vergonha!

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

na minha opinão continuam a ser os favoritos

o FC Porto venceu o Málaga hoje no dragão pela margem mínima (1-0), mesmo assim, parte para a segunda mão como favorito a estar nos quartos de final desta edição da champions league.

sem muitas oportunidades claras de golo, o FC Porto fez o único golo do encontro por Moutinho, num lance que o médio portista está ligeiramente adiantado, mas é a tal coisa: é muito complicado para os assistentes analisar estes lances, em caso de dúvida...

«onze/sistema oficial do FC Porto para hoje»

Pinto da Costa: «Hoje não é dia para falar da renovação de Vítor Pereira»

Vítor Pereira termina contrato com o FC Porto no final desta temporada e Pinto da Costa garante que está agradado com a prestação do treinador que escolheu para suceder a André Villas-Boas em 2011.
 
No entanto, não deixou claro se o atual técnico dos dragões vai permanecer no cargo ou sair.

«Não é dia para falar dessas coisas», afirmou presidente dos bicampeões nacionais, esta terça-feira, à margem da cerimónia de entrega do prémio FIFA «Medical Centre of Excelence» à clínica Espregueira Mendes. «Mas se não estivesse agradado, algo não estaria bem em mim», acrescentou, abordando o encontro de mais logo entre o FC Porto e o Málaga.

«Vamos fazer tudo para vencer. É bom estarmos nesta fase da Liga dos Campeões. Não vou desvalorizar a Liga Europa porque também andam lá grandes clubes e outros nem sequer lá chegaram, como o Manchester City, mas esta é a grande prova do futebol mundial», comentou.
daqui

mais palavras para quê?!...

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Pinto da Costa sobre Nuno Almeida: "É um bom árbitro"



Nuno Almeida é o único árbitro algarvio que está na 1.ª categoria. Durante muitos anos o Algarve esteve apenas representado por um árbitro que ficou famoso: Francisco Silva, o tal do Penafielgate.

Nuno Almeida não teve dúvidas em assinalar a grande penalidade que deu a vitória ao Benfica. É um lance de difícil decisão pois à vista desarmada parece que Gaitán está a fazer-se ao penálti (se calhar também aconteceu).

Mas o diabo está sempre nos detalhes e...



...sim, não há dúvidas, o avançado do Benfica foi puxado pela gola da camisola. Mas também está a puxar uma camisola preta...

Veja-se de outro ângulo:



Ok, foi bem decidido por um árbitro que já desceu duas vezes à 2.ª categoria e que agora está de volta ao escalão principal.

Mas pergunta-se: na outra área este penálti teria sido marcado?

Não há muito mais a dizer, a não ser que o Benfica esteve à beira do KO. Desta vez não recebi, no final, qualquer mensagem do Bruxo de Fafe.

Mas Luís Filipe Vieira deve ter recebido uma mensagem de alguém:


post daqui

é preciso coragem...

confesso que já pouco me surpreende no futebol português, mas tenho de admitir que é preciso coragem (ou será pouca vergonha?) para entregar a equipa do Beira-Mar a Costinha.
enfim...Beira Mar na I Liga em 2013/2014 já era...

Toni volta a dar show


domingo, 17 de fevereiro de 2013

«cansaço mental pode dar campeonato ao FC Porto»

O Benfica venceu a Académica por 1-0, em partida da 19.ª jornada do campeonato. num jogo difícil para Benfica mercê de um rigor ultra defensivo da Académica, o único golo da partida foi marcado por Lima, de grande penalidade, já nos descontos!
Lima demonstrou ter nervos de aço na hora da verdade!!!

o que seria deste Benfica sem Lima?!...
sinceramente, já há muitas semanas que estava fora da luta pelo título.
mas adiante,
este Benfica chegou a Fevereiro - outravez?, na próxima quarta-feira faz um ano que o Benfica tinha 5 pontos de avanço para o FC Porto quando a equipa de Jesus foi a Guimarães, não tinha Javi Garcia e deixou Witsel no banco e perdeu esse jogo.
cinco dias depois, em Coimbra, empatou - e está ficando demonstrado que só um milagre poderá levar os encarnados ao título.

digo isto com alguma mágoa, as teimosias de Jorge Jesus são mais que muitas, o cansaço mental vai sendo visível nos jogadores e a desorientação de alguns jogadores (Rodrigo foi hoje exemplo disso quando foi substituído) é mais que muita.
estes jogadores nunca sabem em que sistema vão jogar para interpretar o modelo de jogo (que, diga-se em abono da verdade, é excelente) do seu técnico.

alguns erros do Benfica actual:

- Maxi Pereira não está em forma, Salvio idem, idem, aspas, aspas.
conclusão: lado direito do Benfica não funciona como deveria.

- teimosia de Jesus em mudar constantemente o sistema de jogo. assim não rotinas que resistam.
conclusão: hoje, apenas dois homens no miolo do terreno (André Almeida e Enzo Perez) para três da Académica.
o modelo de jogo nunca funcionou, já na choupana no último fim de semana o mesmo sucedeu - não há dinâmica ofensiva.

- cansaço mental (sim, porque, cansaço fisíco não pode ser, tem acontecido muita rotatividade neste actual plantel Benfica) dos jogadores perante a exigência de Jorge Jesus.
pressinto muita chamada de atenção/raspanete no balneário do Benfica e pouca motivação/valorização dada a estes atletas.
conclusão: a primeira volta deste campeonato foi excelente, estes jogadores merecem ser acarinhados e não estarem sempre a levar com o rolo da massa.

para finalizar, o discurso de Jesus, afirmando que se for preciso abdica de uma prova para vencer o campeonato.

éh pá?!,...alguém diga a Jorge Jesus, que há dois anos um miúdo de 32 anos, ganhou o campeonato, a taça de Portugal e a liga europa no FC Porto e para isso não teve de abdicar de prova nenhuma, nem tinha um plantel para fazer tanta rotatividade como Jorge Jesus tem este ano na luz.
chiça penico?!...já enjoa!

nota: considero Jorge Jesus um bom treinador, pôs o Benfica a jogar bom futebol, valorizou e fez muito jogador, que foram mais valias para o Benfica e continuarão a ser, mas a teimosia faz quase sempre o Benfica chegar a fevereiro e Março com pouco para ganhar a nível de títulos.
será que Jorge Jesus vai poder afirmar no final desta época - em quatro anos ganhei 2 campeonatos no Benfica, tantos quantos o Benfica ganhou nos úlimos 18/19 anos?!...
como sócio, espero que sim, mas duvido muito!, oxalá esteja enganado.

convocados de Jorge Jesus para logo mais

Guarda-redes: Artur Moraes e Paulo Lopes;

Defesas: Maxi Pereira, Garay, Luisão, Roderick e Melgarejo;

Médios: André Almeida, Carlos Martins, Enzo Perez, Pablo Aimar, Urreta, Gaitán, Ola John e Salvio;

Avançados: Rodrigo, Lima e Kardec.

Irmão de Matic à experiência no Benfica

Enquanto Nemanja Matic é cada vez mais um jogador essencial para Jorge Jesus, o irmão do médio vai tentando a sorte na equipa B do Benfica.


Uros Matic, médio de 22 anos e irmão de Nemanja Matic, está a treinar sob as ordens de Norton de Matos no Benfica B e procura convencer os responsáveis encarnados a contratá-lo.

Esta é a primeira experiência de Uros Matic fora da Eslováquia, pois até ao momento apenas vestiu as cores do MFK Kosice.
Ler mais aqui

sábado, 16 de fevereiro de 2013

«a rapaziada de Jesualdo promete»

gostei de ver a atitude dos meninos de Alvalade hoje em Barcelos, apesar da máquina estar muito longe de ficar a funcionar em pleno, há valores individuais com um futuro promissor pela frente - gostei em especial de Zézinho!, um médio de encher o olho, tanto a defender como a simplificar no momento da equipa partir para o ataque.

esta vitória veio novamente tirar um peso dos ombros dos sportinguistas, mas é importante vencer na próxima sexta-feira o Estoril no António Coimbra da Mota antes da recepção ao FC Porto.

Ulisses Morais despedido

Ulisses Morais despedido
O Beira-Mar, em comunicado, anunciou a saída de Ulisses Morais do comando técnico do clube, assim como dos seus adjuntos Rui Rodrigues e Neca Comes.
«A Sport Clube Beira-Mar – Futebol, SAD informa que Ulisses Morais deixou a partir desta data de ser o treinador da sua equipa de futebol profissional», pode ler-se.
Apesar da saída, o treinador agradece o tempo que viveu no clube: «Depois de um ano no Beira-Mar, e fazendo uma retrospectiva, tenho de agradecer. Agradecer a quem confiou em mim, a todos sem excepção, dos jogadores à estrutura. Estou grato pela forma como me trataram e como me respeitaram».
O Beira-Mar ocupa o penúltimo lugar do campeonato com 15 pontos em 19 jogos, podendo vir ainda a ser ultrapassado pelo Moreirense nesta jornada.
O clube aveirense não vence há 10 jogos oficiais. O último triunfo aconteceu frente ao Rio Ave no dia 15 de dezembro.
Leia o comunicado:
«A Sport Clube Beira-Mar – Futebol, SAD informa que Ulisses Morais deixou a partir desta data de ser o treinador da sua equipa de futebol profissional. Esta sociedade agradece os serviços prestados pelo técnico, cujo trabalho sério e competente desenvolvido durante o último ano se reflectiu tanto na concretização de objectivos desportivos como na promoção e na afirmação dos seus futebolistas. A SAD do Beira-Mar deseja por isso a Ulisses Morais as maiores felicidades pessoais e profissionais, destacando a correcção que marcou igualmente a sua passagem por Aveiro, tal como aconteceu com os seus colaboradores que também agora cessam funções, Rui Rodrigues e Neca Gomes.
Na hora da saída, Ulisses Morais deixa palavras de gratidão. “Depois de um ano no Beira-Mar, e fazendo uma retrospectiva, tenho de agradecer. Agradecer a quem confiou em mim, a todos sem excepção, dos jogadores à estrutura. Estou grato pela forma como me trataram e como me respeitaram”, afirmou, lamentando que nos últimos tempos a fortuna não tenha acompanhado os aurinegros: “Reconheço que, apesar da dedicação, do profissionalismo e da capacidade, faltou a felicidade que é importante no jogo. É unânime que merecíamos mais, mas a felicidade não nos acompanhou. Fiquei com o Beira-Mar no coração e a partir de agora serei mais um a torcer pelo sucesso do clube».
daqui

«Vou sentir saudades do SC Braga»

Ismaily (foto ASF)
 
 
Seis meses depois de ter sido contratado pelo SC Braga ao Olhanense, Ismaily volta a fazer as malas desta vez para rumar à distante Ucrânia, onde vai representar o Shakhtar Donetsk. O defesa leva o clube minhoto no coração.

«Quero agradecer a todos os adeptos bracarenses, que sempre me apoiaram e incentivaram. Fui muito bem recebido. Vou sentir saudades deste clube, onde fui muito feliz», diz o jogador brasileiro, num vídeo divulgado no site oficial do SC Braga.

«Espero que os meus companheiros e o SC Braga alcancem todos os objetivos que foram traçados. Vou ser mais um bracarense a torcer de longe. Desejo toda a felicidade do mundo ao clube, aos meus companheiros e aos adeptos, que foram sempre fantásticos», elogia.
daqui

«o Sporting está salvo»

...uma excelente foto do candidato Carlos Severino, o pormenor das calças vermelhas é que está a mais, ou talvez não!...


sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

tal máfia vai no futebol português...

Era uma quarta feira muito esperada quer por Benfica quer por FC Porto, marcada pela reunião do Conselho de Disclipina da FPF para analisar diferentes casos que estavam ligados ao eternos rivais.
Decidiu por não fazer nada. Acho que esta frase resume bem as deliberações do CD da FPF. E também quem estava à espera de outra coisa de um Conselho que já mostrou ser tão fraco e tão sujeito a interesses quando devia apenas tentar fazer justiça e fazer cumprir os regulamentos? Sempre que esta gente é chamada a decidir fico com esta impressão...


Então, e falando das consequências desta reunião, manteve o FC Porto na Taça da Liga e aplicou apenas 1 jogo de castigo a Cardozo. Ou seja, tentou não chatear ninguém e aplicar uma sinistra justiça salomónica.

Acho rídicula a decisão sobre Cardozo e muito discutível a manutenção do FCP na Taça da Liga.
Desportivamente, e relativamente ao FCP, digo apenas que esta era a decisão que eu queria. Não gosto nada de ficar com troféus marcados por qualquer tipo de jogada de secretaria ou poder. Gosto de ganhar em campo e contra os melhores. Além disso por 15 minutos... No entanto, ficamos sempre com aquela ideia que os regulamentos são mais maleáveis quando tocam na torre das Antas... Basicamente o CD disse que o artigo infringido pelo FCP só se aplicava à I e II Liga mas não é normal quando assim é as leis serem mais específicas?
Quanto a Cardozo pensei logo no castigo aplicado a Aimar no ano passado em Olhão. Para este CD é pior uma entrada dura do que agarrar o árbitro. Pelos vistos Pedro Proença não fez referência ao sucedido e acho que seria interessante ter acesso ao relatório do árbitro internacional.

Enfim, este CD tem, espero eu, os dias contados.
post daqui
título meu

Atenção: castigo de Cardozo pode ser superior a um jogo



Cardozo foi castigado com um jogo de suspensão pelo pontapé que deu num jogador do Nacional.

Ok.

Mas falta saber se está a correr algum inquérito a propósito do puxão a Pedro Proença.

Se estiver, a este castigo podem ser acrescentados mais dois ou três jogos de suspensão.

Estejam atentos.

Se Proença não relatou o que aconteceu...temos escândalo!!!!!!!!!!!!!!!!!
post daqui

Cardozo e Matic suspensos

nada mau para o Benfica esta suspensão de Cardozo por apenas um jogo.

depois digam que a pressão não faz efeito?!...

enfim...não lembra ao diabo!,...um jogador que dá um puxão a um árbitro sabendo que por lei não lhe pode tocar e só leva um jogo?!...
é o futebol português no seu melhor...

Portugal 5 Escócia 0 (1993)

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Figo e Ricciardi nos alpes franceses

esta notícia de Figo e  Ricciardi estarão esta noite a negociar a apresentação de uma lista candidata às eleições para a presidência do Sporting, no dia 23 de março, a 'mim não me apanhou de surpresa'.
o que também não me 'apanhou de surpresa' é que este 'menino' não faz nada sem receber em troca muito euro.

a imagem em baixo de um comentário no facebook tem toda a razão de ser, mas se preferirem, podem sempre entrar por aqui e saber mais deste grande ex-jogador de futebol.

«Mourinho tem um desafio fantástico pela frente»

 
 
O treinador do Manchester United não acredita em crise no Real Madrid. Alex Ferguson lembra que os merengues têm o desejo de conquistar a Liga dos Campeões, sobretudo sob o comando de José Mourinho.

«Não há qualquer segredo sobre o desejo do Real Madrid de vencer a Liga dos Campeões, além que, é preciso não esquecer, Mourinho pode tornar-se no primeiro treinador a vencer esta competição por três equipas diferentes. Por isso, será um desafio fantástico para ele», afirmou Ferguson.

Os dados na verdade não ficam por aqui, uma vez que Mourinho leva a melhor sobre Ferguson nos 14 confrontos anteriores. «Ele tem estado a tentar ultrapassar-me, por isso será um grande desafio para ambos, um grande jogo.»

«um Leixões - Sporting de 1988»

outros tempos, outro futebol, mas com muita mais emoção e alegria nas bancadas. este jogo refere-se à primeira jornada do campeonato nacional época 1988/89. a ficha do jogo, aqui

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

«os bastidores de um Setúbal - FC Porto da década de 80»

Toni vai dar uma cambalhota e cair de costas

Estou no Irão, na cidade de Tabriz desde Junho de 2012. Aceitei o desafio de treinar o Tractor Sazi, tendo como meus colaboradores o Vitor Campelos, o Paulo Grilo, e o meu filho António Oliveira.
 
Trouxemos na nossa bagagem a competência, profissionalismo e a experiência de muitos anos de jogador e treinador para podermos ajudar a serem melhores jogadores e atingir os objectivos a que nos propusemos. 

 Quase 8 meses passados estamos a discutir os primeiros lugares na liga iraniana e desde 18 de Novembro que não sabemos o que é perder.
Mas o que marca a minha passagem no Irão é uma conferencia de imprensa onde utilizei uma linguagem menos própria e mais recentemente um novo ataque de fúria devido a um meu jogador ter provocado uma transição perigosa para o adversário.
 
Esta foto é tirada 20 minutos depois do ataque de fúria com o jogador em causa.
No banco temos reacções que traduzem estados de alma. No curto espaço de tempo passei do estado de exaltação para o estado de alegria.
Concluindo, todo o trajecto desportivo passa quase despercebido e já percebi que para sair mais um vídeo na próxima vez vou dar uma cambalhota e cair de costas para não partir..... a cabeça!!!
Estou no Irão, na cidade de Tabriz desde Junho de 2012. Aceitei o desafio de treinar o Tractor Sazi, tendo como meus colaboradores o Vitor Campelos, o Paulo Grilo, e o meu filho António Oliveira. Trouxemos na nossa bagagem a competência, profissionalismo e a experiência de muitos anos de jogador e treinador para podermos ajudar a serem melhores jogadores e atingir os objectivos a que nos propusemos. 
Quase 8 meses passados estamos a discutir os primeiros lugares na liga iraniana e desde 18 de Novembro que não sabemos o que é perder. 
Mas o que marca a minha passagem no Irão é uma conferencia de imprensa onde utilizei uma linguagem menos própria e mais recentemente um novo ataque de fúria devido a um meu jogador ter provocado uma transição perigosa para o adversário. Esta foto é tirada 20 minutos depois do ataque de fúria com o jogador em causa. 
No banco temos reacções que traduzem estados de alma. No curto espaço de tempo passei do estado de exaltação para o estado de alegria.
Concluindo, todo o trajecto desportivo passa quase despercebido e já percebi que para sair mais um vídeo na próxima vez vou dar uma cambalhota e cair de costas para não partir..... a cabeça!!!
Toni na sua página oficial do facebook

domingo, 10 de fevereiro de 2013

«Cajuda destrói futebol do Barcelona»

pois é caros leitores, nem depois de saber o resultado dos encarnados na Madeira, o FC Porto - que pelos vistos nas cabeçinhas pensadoras dos 'pratas e dos farinhas' da nossa praça pratica um futebol muito próximo do Barcelona - conseguiu levar de vencida a 'teia montada' por Manuel Cajuda esta noite no dragão.

o técnico algarvio arranjou as soluções que achou melhor para conquistar um ponto no dragão e conseguiu.
agora resta esperar para ver se Moutinho faz hoje novamente referência ao tiki taka dos azuis na sua página do facebook.

em relação ao jogo do Benfica, não me vou alongar muito,...apenas acho que está na altura de pôr o 'fantasma de Pedro Proença para trás das costas' .
Cardozo foi bem expulso e oxalá que aquele puxão a Pedro Proença fique mesmo apenas por um puxão!...para bem do Benfica.
em relação à expulsão de Matic, no último minuto dos descontos, ainda não consegui rever as imagens mas uma coisa é certa:
o Benfica perde pontos na Madeira por culpa própria, que sirva de lição a ajudinha do benfiquista Manuel Cajuda hoje no dragão.
...é que Jorge Jesus tinha torcido o nariz ao jornalista da sporttv no flash interview quando este disse que ainda faltava o jogo do FC Porto com o Olhanense - disse mais ou menos isto:
ah, o FC Porto joga com o Olhanense...blá, blá, blá...

estão de rastos

como eu tenho vindo a escrever neste blogue há já algum tempo, hoje vou reforçar:
este Sporting tem que lutar pela manutenção.

a tarefa de Jesualdo não está fácil, muita falta de confiança destes jogadores neles próprios, muito azar também, é verdade!, mas a sorte procura-se e trabalha-se.
estes jogadores estão de rastos psicologicamente!....
....e depois reflete-se na condição física e técnica tudo o que de pior pode existir numa equipa de futebol.

«cambada de anormais»

ultimamente tenho lido e assistido a cada disparate na nossa comunicação social que nem lembra ao diabo?!
como é que é possível comparar o futebol praticado pelo FC Porto ao do Barcelona?
a esses iluminados, principalmente àqueles que passam horas nos programas da RTP Informação comentando futebol, nunca pensei que conseguissem ser tão burrrinhos?!...

apenas pelo FC Porto ter tido muita posse de bola num jogo ou noutro?, por ter conseguido estar algum tempo a trocar a bola sem o adversário a cheirar? sinceramente, isso acontece de vez em quando e quando o adversário deixa.

será que nunca ouviram dizer que uma equipa joga o que a outra deixa jogar?!..., enfim, que o FC Porto está praticando bom futebol já todos sabemos, é neste momento a equipa portuguesa com menos hipóteses de perder pontos neste campeonato.

os mecanismos que uma equipa necessita para ter sucesso estão todos lá e bem consolidados.
aliás, o sistema de jogo do FC Porto já vem de há muitos e muitos anos, apenas o modelo de jogo leva alguns retoques conforme o treinador que Pinto da Costa escolhe.

(...) e confesso que este modelo de jogo implantado por Vítor Pereira e pela sua equipa técnica é o que mais me agrada porque corre menos riscos,...até um dia!
agora...comparar o FC Porto ao Barcelona?...chiça penico?!...vou ali e já volto!

sábado, 9 de fevereiro de 2013

«Ronaldo leva Real às costas»

o Real Madrid venceu o Sevilha por 4-1 em mais uma exibição de luxo do madeirense - 3 golos de Cristiano Ronaldo.

o golaço de Ronaldo esta noite frente ao Sevilha

Pedro Proença chega com comitiva do Benfica

Jorge Jesus (foto ASF)
 
 
O árbitro Pedro Proença, de Lisboa, viajou com a comitiva do Benfica para a Madeira.
Na chegada estavam cerca de duas centenas de adeptos, que aguardavam com expectativa a oportunidade para garantir um autógrafo ou fotografia ao lado dos jogadores do Benfica, que até tiveram dificuldades para entrarem no autocarro.

«Toni em fúria»

Toni continua a fazer um excelente trabalho no Irão, demonstrando todo o seu profissionalismo e, desta vez, também algum desespero.

Em baixo as imagens do jogo disputado esta sexta-feira pela sua equipa, o Tractor, diante do Malavan.
O Tractor venceu por 1-0, golo de Kazemian aos 64 minutos, mantendo-se na segunda posição do Campeonato, a três pontos do Esteghlal.

No entanto, o treinador português passou momentos de autêntico desespero.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Um coelho na cartola…

Jorge Coelho vai a jogo para ganhar ( já foste BdC… )

Tomás Aires vai entrar na corrida com alguma força.

Dias Ferreira sai da primeira linha.

Pedro Baltazar também.

post daqui

sem dúvida um excelente post sobre as eleições no Sporting.

«Jackson Martínez vai ficar pouco tempo em Portugal» -

Jackson Martínez (foto ASF)
 

 
Rendido. Henrique Calisto tece rasgados elogios às exibições e veia goleadora do avançado colombiano Jackson Martínez.

«O Jackson é um ponta-de-lança à antiga, um jogador mais posicional.


É de facto um dos melhores pontas-de-lança que passaram pelo futebol português, não são precisas mais provas.

Penso que um jogador desta classe vai estar pouco tempo no FC Porto», analisou o treinador dos angolanos do Recreativo do Libolo, em declarações à Antena 1.

Melgarejo em dúvida para o Nacional

Melgarejo regressou lesionado da seleção (foto ASF)
 
Lorenzo Melgarejo está de regresso a Lisboa, para voltar a trabalhar com o Benfica, mas apresenta limitações físicas, fruto de uma inflamação no tendão de Aquiles, que lhe custou a ausência da seleção paraguaia, anteontem, na partida de preparação com El Salvador, estando em dúvida para o desafio com o Nacional.

O lateral-esquerdo do Benfica realizou treino de recuperação e corrida em redor do relvado durante a fase de trabalho com a seleção paraguaia e deve ser agora integrado num programa de reabilitação do departamento médico dos encarnados.

Melgarejo, que não participou também na partida dos encarnados com o V. Setúbal, do fim de semana passado, acabou por falar, no Paraguai, do seu objetivo na seleção: «Jogo em qualquer lado, a lateral ou na frente. Conheço bem as duas posições e quero é fazer bem o meu papel, jogo onde o treinador quiser.»

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Manuel José em entrevista

Manuel José foi o entrevistado de João Ricardo Pateiro na edição de hoje do "Entrelinhas" da TSF.

para quem não teve oportunidade de ouvir, poderá fazê-lo novamente dentro uma hora, aqui


Balotelli é Balotelli

Jupp Heynckes apontado à seleção da Alemanha

Jupp Heynckes, atual treinador do Bayern München e antigo técnico do Benfica, é apontado como possível novo líder da seleção alemã de futebol, após o Campeonato do Mundo.

Heynckes, que vai deixar o Bayern no final desta temporada, pode vir a ocupar o lugar de Joachim Low na mannschaft.

O jornal francês L'Equipe admite, esta quinta-feira, que Heynckes é o «mais forte candidato» a assumir a seleção germânica.
daqui

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

a nossa selecção

não tive oportunidade de assistir ao jogo da nossa selecção com o Equador, como tal, aqui fica um excelente post para quem como eu não teve essa oportunidade.
entre aqui.

A Emoção do Futebol

Chegados a meados do mês de Fevereiro e tendo como paixão comum o desporto e o futebol em particular, nada melhor do que entrar neste link: www.casinoonline.pt e  aproveitar as melhores emoções para final de mês e início do próximo.

O mês de Janeiro terminou com belos jogos da premier league, e que espectáculo foi assistir ao futebol inglês durante as festividades do mês de Dezembro, tal como o boxing day.

Mas não só em Inglaterra houve futebol e emoção por alturas de natal e de final de ano, também noutros países como o Irão o futebol teve o seu lugar.

Falando em espectáculo dentro das quatro linhas, nada melhor do que terminar este mês de Fevereiro com um jogo grande - é já no próximo dia vinte e seis de Fevereiro - Barcelona e Real Madrid na segunda mão da meias finais da taça do Rei.
Duas equipas que irão certamente lutar arduamente pela presença na final da taça do Rei, sendo que, Atlético Madrid e Sevilha também disputam entre a si a outra presença na final da taça do Rei no dia seguinte.
Enfim...nada melhor que um bom prémio para 2013 continuar em grande.

Recordar é viver - Jorge Jesus entre o casino e a arena


através do canal de Eugénio Queirós

um belo final de tarde

um final de tarde verdadeiramente espectacular no que a jogos de selecções diz respeito - além do Portugal vs Equador no canal 1 da RTP ainda temos mais estes:

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

David Luiz será capitão no particular com a Inglaterra

David Luiz  (foto AP)
 
 
O defesa central do Chelsea, que se transferiu do Benfica, David Luíz, será capitão da seleção brasileira no desafio particular frente à Inglaterra, esta quarta-feira. A confirmação foi dada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no site oficial. David Luiz já tinha sido escolhido nos dois últimos jogos, em setembro de 2012, por Mano Menezes.

Agora, com Luiz Felipe Scolari, a escolha mantém-se no jogador, substituído Thiago Silva no posto. Só que a lesão do jogador do PSG abriu caminho ao antigo jogador encarnado.

Scolari também já decidiu quem vai entrar de início frente à Inglaterra: Júlio César, Daniel Alves, David Luiz (ex-Benfica), Dante e Adriano; Paulinho, Ramires (ex-Benfica), Ronaldinho e Óscar; Neymar e Luís Fabiano (ex-FC Porto).

Jorge Casquilha, o mister que começou por baixo

Neste espaço dedicado aos leitores do jornal Record, resolvi escrever sobre um homem, que me chama atenção como treinador de futebol. Estou a falar de Jorge Casquilha.

Dando uma vista de olhos pelo seu currículo, nota-se um enorme mérito da sua parte, pelo modo como emergiu no futebol futebol português senão repare: começando pelos escalões mais baixos do nosso futebol nos Distritais pelo modesto Santa Maria FC registando desde logo a sua primeira subida de divisão, seguiu-se o Atlético de Valdevez, chegando a abandonar o clube a meio da temporada devido a problemas financeiros que tanto ensombram o nosso futebol.

De seguida, chegou a vez de orientar o Merelinense FC, na III Divisão Nacional, onde mais uma vez conseguiu colocar o clube de São Pedro de Merelim na II Divisão Nacional. Na época seguinte, chegou o convite do clube de Moreira de Cónegos que militava na II Divisão Nacional, o desafio era enorme pois equipas como Boavista, Vizela, Tirsense entre outros, a nível de plantel teriam a priori mais percentagem de sucesso, mas Jorge Casquilha conseguiu catapultar os Cónegos para a Liga Orangina, sendo que na primeira época nessa mesma liga conseguiu um campeonato tranquilo registando um 7.º lugar.

No ano seguinte Moreira de Cónegos entraria novamente no mapa do futebol de primeira com Jorge Casquilha a comandar. Na presente época , pois a vida de treinador não é tudo ''rosas'', pelos mais variados motivos Jorge Casquilha abandonou o Moreirense FC como lanterna vermelha da Liga Zon Sagres, diga-se que apesar deste lugar na tabela classificativa e de algumas lacunas no plantel a nível de soluções, a equipa praticava um futebol agradável e de olhos nos olhos com qualquer adversário tal como Jorge Casquilha tinha implantado em anos anteriores.

Hoje, Jorge Casquilha é um treinador livre, sem clube, mas certamente não estará assim por muito mais tempo, pois avista-se boas capacidades técnico-táticas e boa margem de progresso para mais um jovem treinador que o nosso futebol português vê dar cartas.
daqui