sábado, 25 de março de 2017

Carrega Portugal!

Hoje, o Estádio da Luz deverá estar perto de esgotar para apoiar a nossa selecção rumo ao Mundial da Rússia em 2018, um jogo que como já aqui referi não será nada fácil para as nossas cores, a não ser que, se consiga marcar cedo e por aí fora, com mais golos em modo de 'Ketchup'.

Mas isso hoje em dia já não acontece tanto, muito menos com estes húngaros que estão a voltar ter uma boa selecção.

Aqui fica o meu onze, também tenho direito a ter um pouco de 'treinador de bancada'.


Não confundam a selecção com as querelas clubísticas...

É triste esta atitude do Benfica em não marcar presença no jogo de hoje da nossa selecção.
Como diz o outro - Pimenta no cú dos outros para mim é refresco.

Por andam aqueles que criticaram Pinto da Costa por atitudes idênticas?! A memória é curta?!..., pelos vistos, sim!

Enfim...continua a valer tudo no futebol português!


sexta-feira, 24 de março de 2017

Nous sommes champions d'Europe

Amanhã, mais um jogo de qualificação dos campeões europeus rumo ao mundial Rússia 2018.

Jogo difícil, como são quase todos hoje em dia e em que a nossa selecção só tem que fazer o que melhor sabe - jogar e ganhar!

Recorde aqui o último Portugal - Hungria do Euro 2016 que não foi nada fácil para nós...

quinta-feira, 23 de março de 2017

A madraça do FC Porto e do Benfica

...no seguimento de uma outra 'entrada', aqui ficam duas imagens actualizadas 'encontradas' por aí...
Porque rir faz bem...


 

SOBRE QUEIXINHAS E CRIANÇAS BIRRENTAS




«(…) INSUPORTÁVEL o clima actual do futebol português. Maiores culpados: os três grandes, não importa a ordem. Agridem-se uns aos outros quase todos os dias como garotos birrentos e mal educados, dão um péssimo exemplo à população e obrigam os media a reportarem e comentarem peixeiradas e psicodramas sem a mínima substância (alguns deles não se importam nada, cumpre dizer). Nenhum dos três grandes pode reclamar inocência neste desatino colectivo. Todos berram desalmadamente - a ver quem berra mais alto.

É um espectáculo muito antigo… e muito triste, que não se vê em nenhum outro futebol da Europa avançada. Adoro desporto e confesso que me irrita solenemente passar boa parte do tempo na Bola TV a comentar queixas, queixinhas, insinuações, insultos, ameaças veladas, ameaças explicitas, grosserias, banalidades, lugares comuns, comunicados estapafúrdios, comunicados estupidamente pomposos, processos idiotas e efabulações de figuras menores que, infelizmente, vão conseguindo algum protagonismo no mundo ainda pouco exigente do futebol português.

Na época passada, Sporting e Benfica travaram uma guerra ruidosa com muitos e feios lances subterrâneos. Agora a peixeirada é entre Benfica e FC Porto e o enredo… igualzinho: ninguém pode perder = há que ganhar, custe o que custar = vale tudo. Traçadas pelos estados maiores as estratégias comunicacionais – leia-se: agit-prop -, algumas varinas de serviço devidamente doutrinadas vão cuspilhando lamúrias, tonterias e boçalidades pelos jornais e pelas tv’s a ver quem conseguem influenciar e condicionar.

No meio desta chinfrineira que tudo abafa, quase nos esquecemos de falar do que realmente interessa. Do Jonas e do Pizzi, do Brahimi e do Soares, do Gélson e do Bast Dost, do Nuno e do Vitória, do Jesus e do Couceiro. Maldita sina, esta. Somos campeões europeus de futebol e nem assim conseguimos sair da cepa torta. É todos os anos a mesma coisa. Garotos birrentos».
Excerto do artigo de opinião n’A Bola de André Pipa

Cristiano Ronaldo concretiza sonhos durante estágio da Seleção

Football Talks - Leonardo Jardim com Carlos Daniel

quarta-feira, 22 de março de 2017

O Pedro Guerra o André Ventura e outros mais

...anda por aí muita virgem ofendida por causa da dinâmica do Porto Canal e da comunicação recente do FC Porto. 
Não entendo o porquê, amor com amor se paga...ou será que não?!... 
Deixem-se de tretas, levem estas imagens com desportivismo, no resto das teorias reles, eles que se entendam...os guerras, os venturas,  os bernardinos, os franciscos jotas não sei das quantas...
São todos bons de cabelo, só falta o saraiva do Sporting para a festa ficar completa!... e com menos cabelo, claro está!



Uma das damas da Primavera

O Tempo Extra de ontem

ÁRBITROS MERECEM UM PORTUGAL MELHOR



Tenho algumas dificuldades em perceber o que leva uma pessoa a seguir o caminho da arbitragem, confesso. Já discuti isso com amigos, árbitros, velhos e novos e continuo sem chegar lá. Mas há algo que lhes admiro: a coragem. Enfrentam muitas adversidades. Competentes e incompetentes. De jogadores a técnicos e dirigentes, passando por adeptos e jornalistas, são muitos os ‘inimigos’ que cultivam. Infelizmente, devido à barbárie que se estende por esses campos fora, ainda são agredidos por energúmenos a quem espalhar o fel não chega e acabam por recorrer à violência para resolver problemas mentais muito mais graves do que o penálti que ficou por assinalar.

Sou muito crítico dos árbitros. Ou por que falo de barriga cheia (e sim, a minha é grande) ou porque se trata de uma classe a quem são possibilitadas regras diferentes das aplicadas aos outros no futebol. Mas sei que há uma injustiça que não mereciam. Uma medida que devia levar um Estado de direito a corar de vergonha. Abandoná-los à sua sorte, no ‘campo de batalha’, sinceramente, é triste . Ver estes homens a irem, fim-de-semana após fim-de-semana, para campos que sabem inseguros e à mercê, não só da total falta de educação, mas de agressores que muitas vezes fazem do número a sua grande arma... isso, lamento, mas faz-me ter nojo da medida tomada por Miguel Macedo em 2012. Foi apenas mais uma das muitas soluções acéfalas que a voragem dos cortes da ‘troika’ nos impôs. Resolvam lá isso. O policiamento tem de ser obrigatório. Ver gente a ser agredida a cada sábado e domingo que passa é que não. Portugal não é isto. Ou é mas não devia ser.

Bernardo Ribeiro no Jornal Record

terça-feira, 21 de março de 2017

Pior a emenda que o soneto

Foda-se, um gajo quer fazer um post elogiando algo de positivo no futebol português e só me sai duques e cenas tristes.
Custa-me acreditar que um homem como Rui Alves que anda há tanto tempo no futebol tome decisões destas.
Atenção, nada tenho contra o cidadão João de Deus! Deus me livre!, o de lá de cima, entenda-se...não o que vai atravessar o Atlântico para 'enterrar' ainda mais o Nacional da Madeira.
O que sei da 'jarra' em si enquanto treinador também fica para mais tarde, por hoje já chega!

Prometo nos próximos posts algo de positivo, vou tentar...ou então ficaremos por uma pausa rápida!

Pinto da Costa já tem idade para ter juízo!

A se confirmar esta notícia (ok, já tem 24 horas) confirma-se que o futebol português está ficando em chamas.

Todos fazem pressão de uma maneira ou de outra, agora, um presidente do alto dos seus quase 80 anos, descer ao túnel ao intervalo de um jogo para pressionar seja quem for, deve merecer muita atenção.
Como diz o outro - já tem idade para ter juízo!

Será que vai ter castigo idêntico a Rui Costa quando o dirigente encarnado fez o mesmo?!...

Acredito que sim!,...e acho muito bem que assim seja. Benfica e FC Porto (o Sporting anda mais calmo) deveriam ser severamente punidos sempre que os seus dirigentes praticassem tais actos.

Pensam que estão na selva mas acredito que o conselho de disciplina da FPF os vai pôr no sítio!



Mais dois treinadores despedidos

O Campeonato português está cada vez mais parecido com o Brasileirão, não lembra ao diabo tantos treinadores despedidos como este ano.
 
O dirigismo bateu no fundo, os empresários começaram no início da época a pressionar com alguns técnicos de pouca qualidade e assim começou a dança dos treinadores na I e II Liga.
Foi assim este ano, gente que chegava ao futebol profissional sem provas dadas no campo do treino.
 
Mas, ontem e hoje não foi o que aconteceu - são três despedimentos que julgo precipitados de treinadores com muita experiência e um que até dou de barato.
 
Ontem, Inácio!
 
Hoje, Manuel Machado!... e Jokanovic, o tal que dou de barato.

 

Uma vergonha de dirigentes!

Os ditos clubes grandes da nossa praça continuam a fazer figurinhas patéticas com comunicados e queixinhas, ora sai um comunicado de A, B não gosta e faz 'queixinha'.
 
Ora agora fazes tu, ora agora faço eu e assim sucessivamente. É a guerra da comunicação por tudo e por nada e dentro das 4 linhas não jogam porra nenhuma.
 
O adepto comum que gosta de futebol quer é que o seu clube ganhe e de preferência com futebol bem jogado, coisa que nenhum dos três está praticando.
 
Essas guerras só conseguem incendiar mais os ânimos dos adeptos fanáticos para discussões nas redes sociais e fora delas, gerando mais violência verbal e física.
 
Tenham 'mazé' juízo na tola, façam com que as vossas equipas joguem mais futebol e ataquem menos fora das 4 linhas.




segunda-feira, 20 de março de 2017

O PLAY OFF DA SIC NOTÍCIAS

Um flop chamado Raúl Jiménez?!...



Espero estar redondamente enganado, mas não estou a ver como é que Raúl Jiménez será a maior venda de sempre do Benfica. Recorde-se que, Luís Filipe Vieira em recente entrevista disse isso mesmo. Vai vendê-lo para a China?...

Este jogador até hoje ainda não me convenceu e os seus números desde que chegou ao futebol europeu também não ajudam.

Dirão alguns, mas raramente é titular! Ok, tem mais jogos no banco do que a titular mas os números são assustadores:

No Atlético de Madrid, meia época - 28 jogos e 1 golo!
No Benfica, vai a caminho das duas épocas - 71 jogos e 20 golos!

Ou seja, desde que chegou à Europa participou em 99 jogos e marcou 21 golos!!!

Ainda precisa de mais tempo de adaptação?!...

P.S. Repito, oxalá eu esteja enganado e se estiver serei o primeiro a dar o braço a torcer, mas não me parece que o mexicano seja o ponta de lança que o 'pintam', apenas mais um avançado normal, igual a tantos outros que já passaram pelo Benfica.

É tempo de selecções

Inácio de saída do Moreirense



Segundo o Guimarães Digital, Augusto Inácio já não é o treinador do Moreirense. Nos últimos oito jogos, não houve vitórias, foram quatro derrotas e quatro empates, resultados que impediram o clube de se afastar dos lugares de descida.
 
No subconsciente dos dirigentes do Moreirense 'paira' a última passagem de Inácio pelo clube quando não conseguiu evitar a descida.
 
Mas se assim é, deveriam era ter pensado nisso quando o contrataram...
 
Enfim...de nada serviu o 'brilharete na Taça da Liga' para motivar o grupo e partir para um final de época com algum desafogo.
 
Provavelmente será Petit o substituto de Augusto Inácio.

domingo, 19 de março de 2017

Nuno, o seminarista!

Pois é!, o FC Porto não conseguiu passar para a liderança mas já lá vamos.

Primeiro, gostava de ver, o que não vai acontecer, alguns benfiquistas agradecerem ao FC Porto por este novo ânimo que deverá entrar pelo 'balneário adentro' no Seixal.
ah, ok!, o agradecimento será para João Carvalho, autor do golo do empate do Vitória e jogador do Benfica.

Sim, porque, não estão a jogar nada, asneiras tem sido mais que muitas, uma venda de Gonçalo Guedes em Janeiro que nem lembra ao diabo, mas, pronto, talvez pensassem que Raúl Jimenez ajudasse a resolver essa perca mas também é um outro assunto para mais tarde.
Com este resultado de hoje do FCP tudo é 'chutado' novamente para debaixo do tapete.

Vamos ao que interessa, o jogo do FC Porto:



1) Foi visível que o FC Porto entrou com todo gás, e é isso que se pede, mas sem discernimento nenhum na hora da finalização.

2) O FC Porto hoje precisava de um treinador com 'eles' no sítio para libertar os seus jogadores dessa pressão que era assumir a liderança. Não os tem no sítio e até custa-me a crer que ele não saiba qual a linguagem que esta gente necessita para despertar, não é com palavras bonitas, é com 'caralhadas' quando é necessário. Palavras bonitas pode continuar a tê-las nas conferências de imprensa que até achamos graça.

3) Qual a razão para tirar jogadores criativos (Corona) quando o jogo pede juízo e criatividade? Lesionado?!..não me pareceu, mas vamos aguardar para as explicações caso existam.

4) O desespero do técnico do FCP foi visível quando Layún vem ao banco e pede autorização para efetuar alterações dentro do campo. Como é que é possível?!...
Nuno aceitou, mas não gostou. De seguida tirou o mexicano mas poderá também ter sido estratégia. Aqui dou de barato.

O que não entendo é tirar André Silva para pôr Depoitre (não tem ritmo nem se mexe) quando era certinho que o jogo teria pelo menos mais 9/10 minutos!
Pois, chuto para a área e fé em Deus. Sinceramente, com a criatividade de Corona e André Silva, com mais calma é que o FC Porto teria de ter ganho este jogo. Até poderia se repetir o que aconteceu com o Braga em casa, vencer o jogo nos descontos, mas com gente decente lá dentro.
Depressa e bem não há quem!

Uma palavra para o Vitória, defendeu-se bem e de todas as maneiras e sai do Dragão com um precioso pontinho.

Todos os caminhos vão dar ao Dragão

Pela primeira vez esta época (com o Benfica estiveram 50.019 espectadores) o estádio do Dragão poderá esgotar esta tarde para receber o Vitória de Setúbal.

A data é apelativa e o rival empatou ontem na capital do móvel. Só uma intempérie de última hora o impedirá e ela não está prevista.

Uma vitória hoje e o FC Porto isola-se na liderança com 65 pontos (+1 que o Benfica) antes da deslocação à Luz na próxima jornada. A 'coisa' promete!...e se Nuno Espírito Santo souber sacudir alguma pressão de cima dos ombros da sua rapaziada, não inventar e lançar em jogo os melhores é  isso mesmo que vai acontecer - FC Porto líder com 65 pontos a 8 jornadas do fim.


sábado, 18 de março de 2017

Benfica escorrega na Mata Real

Jogo difícil para o Benfica, hoje, na capital do móvel. Os encarnados não criaram muitas oportunidades de golo e as que criaram não conseguiram ser eficazes.

O Paços esteve sempre muito bem organizado em termos defensivos e foi premiado por isso.

Amanhã, o FC Porto poderá se isolar na liderança antes da visita à Luz. Para o Benfica até poderá ter o seu lado positivo - serem obrigados a jogar para ganhar no clássico do dia 1 de Abril na Luz.

E não me venham com a lenga lenga que o Benfica entra em todos os jogos para ganhar. O Benfica se recebesse o FC Porto na liderança, um empate não era nada que não o desejassem.

É que isto de segurar resultados está mais que visto que não é para este Benfica.

Mas, atenção, o FC Porto sabe o fazer, e na Luz poderá ser mesmo isso que aconteça caso ganhe amanhã ao Vitória de Setúbal.

Não percebo o porquê de não se lançar Gonçalo Guedes no jogo.
Ah, ok!, saiu em Janeiro, tal como na época a venda de Montero por parte do Sporting deu no que deu. Sabem qual foi o resultado final desse campeonato os sportinguistas?!...
Pois!..enfraquecer planteis em Janeiro poderá sair caro, mas reforçar com jogadores como Soares poderá dar campeonatos. Ou pensavam que o FC Porto iria continuar a dormir?!... 




Quando o Sporting goleou o Manchester United por 5-0



O Sporting já estava nos 1/4 de final da extinta Taça das Taças e tinha perdido na 1ª. mão em Old Trafford por 4-1.

Não passava pela cabeça de ninguém que em Lisboa houvesse uma 'remontada'. Os ingleses que tinham no seu 'onze base' jogadores como Bobby Charlton, Denis Law ou George Best, eram um colosso do futebol mundial. 

O Sporting viria a vencer a Taça das Taças nessa época aos hungáros do MTK numa finalissima por 1-0. A final propriamente dita, tinha dado empate a três golos. 

O título da crónica  de Alfredo Farinha no jornal «A Bola» foi este: Os ingleses de Manchester viram o diabo em Lisboa - e está tudo dito! Ficha do jogo, aqui.

Resumo dos 5-0 em Alvalade:


 

Saiba o que disse Rui Vitória antes do jogo de hoje

sexta-feira, 17 de março de 2017

Sporting tem de aprender com o FC Porto

Estava para aqui a pensar com os meu botões que esta luta a dois pelo título de campeão nacional está calma (ainda, até poderá aquecer) entre águias e dragões.

Nada semelhante com o que se passou na época passada e no início desta. Claro que há sempre as 'picardias' do costume, há a chamada 'guerrilha da comunicação', mas nada parecido com a 'berraria' que parecia ter vindo para ficar.

E, se levarmos em linha de conta o assunto das arbitragens, em que muitos se gostam de refugiar, é só ver com olhos de ver que o FC Porto tem sido a equipa mais prejudicada por erros de arbitragem.
No final do campeonato,  os erros dos árbitros (são humanos, tal como os jogadores e treinadores que também erram) estarão equilibrados entre os grandes, o mesmo já não se poderá dizer dos 'ditos clubes mais pequenos.'

Perceberam que não era por aí, erros sempre houve e continuarão a existir. Serão sempre postos de parte se procurarem corrigir os erros procurando um futebol que proporcione golos!, o tempero do futebol.

Foi o que FC Porto fez, reforçou-se e bem no ataque (Soares), oleou a máquina em termos defensivos e aí estão eles. Praticamente calados, já sem as 'asneiras' do costume com invenções à Lopetegui, o FC Porto continua a 'morder os calcanhares' ao tri campeão.



O nosso campeonato regressa hoje

Quando Futre deu cabo do Boavistão

O Boavista era uma equipa fortíssima na altura, com Manuuel José como seu treinador e a jogar num 3-4-3 (ninguém na altura se atrevia a jogar dessa maneira), brilharam na europa eliminando colossos italianos da altura, faziam boas qualificações no campeonato e as presenças na final do Jamor já eram mais que muitas.

Mas nesse 10 de Junho, dia de Portugal e de Camões, Futre 'partiu' aquilo tudo.

Bom mesmo, é ver esta reportagem:

O próximo vencedor da Champions está encontrado

Há já algum tempo tinha 'postado' na minha página do facebook que o próximo vencedor da Champions seria o Bayern de Munique!,...ou a Juventus, embora com mais tendência para os alemães pelas razões que todos sabem - um excelente treinador, um bom plantel, a praticar bom futebol..., enfim...a máquina está oleada para 'destruir' o que lhe aparecer pela frente.

Carlo Ancelotti é o único treinador no activo com mais vitórias em finais da Champions, tanto como jogador como treinador. A experiência é muita e, para esta eliminatória, conhece tão bem o plantel do Real de Madrid como as suas próprias mãos.

Depois do sorteio de hoje, não retiro um virgula, apesar dos adversários de Bayern e Juventus serem de peso - Real Madrid e Barcelona!

A minha aposta número 1 aponta para o Bayern de Munique. É a minha opinião, respeito todas as outras.

P.S. Ah!, o Leicester continua com um adversário acessível.  E esta hein?!...


O DESAFIO DE BAS DOST



Bas Dost está, nesta temporada, a envolver-se na mesma luta que há um ano Jonas travou de forma inglória: tentar vencer a Bota de Ouro, troféu para o melhor marcador dos campeonatos da Europa. O holandês do Sporting segue na segunda posição com a magnífica média de um golo por jogo (falhou as três primeiras jornadas) e se conseguir continuar nesse ritmo fechará a temporada com os mesmos 31 golos que o brasileiro do Benfica somou em 2015/16. Há um ano esse número valeu a Jonas apenas a quarta posição, atrás de Luis Suárez (40), Higuaín (36) e Ronaldo (35).

Neste momento a tabela é liderada por Messi (23 golos), a quem faltam 11 jogos, contra os nove de Dost, se não falhar nenhum. Mas, por exemplo, a Ronaldo (19 golos) faltam 12 jogos e ao restante pelotão que segue atrás do avançado leonino restam ainda 10 jogos (11 para Suárez), ou seja, é ele quem vai ter menos oportunidades para acumular pontos. Sim, a Bota de Ouro é ganha aos pontos e não pelo número total de golos, daí Cavani (27 golos) estar em clara desvantagem, tal como Ibrahimovic esteve há um ano, também no PSG, onde os 38 golos lhe valeram somente o 6º lugar porque um golo em França vale 1,5 pontos e não 2 como em Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha e Portugal. 

E a questão dos pontos é crucial para explicar isto: a Liga portuguesa terá esta época a derradeira chance para vencer este troféu, pelo menos nos próximos anos, porque em 2017/18 Portugal partirá da 7ª posição do ranking UEFA, logo cada golo marcado por cá passará a valer o tal ponto e meio, o que praticamente retira a um artilheiro da nossa Liga a possibilidade de ser o melhor entre os melhores.

Seja como for, aquilo que Bas Dost está a fazer neste momento merece todo o destaque: mostra capacidade para ‘brincar’ numa espécie de ‘parque de diversões privado’ que pertence a Lionel Messi e Cristiano Ronaldo. Estes dois, em nove anos, só permitiram duas intromissões, a Diego Forlán e a Luis Suárez. O Sporting, de forma oficial (pela voz do treinador) , já colocou como prioridade até maio ajudar o avançado holandês a entrar nesta história que não conhece um vencedor verde e branco desde Jardel (2001/02).
Artigo de José Ribeiro no Jornal record

quinta-feira, 16 de março de 2017

Quando Vale e Azevedo dispensou João Pinto

48 horas na vida de Pinto da Costa

As televisões dos clubes não podem servir só para encher chouriço, também tem alguns programas interessantes. 

Amado por uns, odiado por outros tantos a verdade é que Jorge Nuno Pinto da Costa continua no activo.

Aqui fica uma reportagem já com algum tempo de um programa do Porto Canal com o presidente do FC Porto. 

 

FC Porto também quer ser grande na comunicação

Em baixo o programa de ontem do Porto Canal - Universo Porto da Bancada. Pegou de moda que a comunicação ganha campeonatos e na minha opinião é uma ideia errada, de fora para dentro isso em nada beneficia ou prejudica as equipas de futebol.

Agora, de dentro para fora e a fazer ricochete, sim, basta ver o exemplo do Sporting na época passada e nessa também - prejudicou e de que maneira. Mas, aqui, eram os dirigentes!

O que o FC Porto está fazer, é o que faz o Benfica no seu canal e em mais alguns espalhados por aí, ou seja, fazer ruído para ver se pega! Os tais cães de fila de Luís Filipe Vieira e de Pinto da Costa.

Só irá aquecer mais a ira de adeptos se não houver tento na língua. Não se esqueçam - aproxima-se a passos largos um Benfica - FC Porto.


quarta-feira, 15 de março de 2017

O Principado do Mónaco tem um Jardim com muitas flores

Antes de mais, Parabéns a Leonardo Jardim e ao Mónaco!...por este apuramento para os 1/4 de final da Champions League.

Não é todos os dias que se elimina uma equipa treinada por um dos melhores treinadores do mundo - Pep Guardiola!

 

A Hipocrisia tem limites

Aqui vos deixo em baixo um excelente post do amigo João Fonseca no seu facebook
(título meu e foto 'roubada' por aí)





Que os adeptos de cada clube, na mesa do café, coloquem todos os emblemas no mesmo saco pela perda de um lugar na Liga dos Campeões, ainda se entende.

Agora que se façam peças jornalísticas no mesmo sentido é, infelizmente, revelador do estado das coisas. De lembrar que os russos têm equipas apenas na Liga Europa e que Benfica e FC Porto cumpriram com os mínimos olímpicos na Champions.

Ou seja, a águias e dragões não podem ser assacadas culpas.

Essas terão que ter outros destinatários ou será que é mais fácil assim? Jornalismo "também" se faz de factos e não "apenas" de facilitismos.

Leonardo Jardim é o cara...

...que vai tentar fazer história, logo mais, se conseguir eliminar um colosso como é este Manchester City!



terça-feira, 14 de março de 2017

E tudo acabou...

É verdade, a presença de equipas portuguesas nas competições europeias acabou hoje para o futebol português - época 2016/2017. Derrota esta noite do FC Porto em Turim por 1-0.

O que também acabou, foi 3 equipas com possibilidades de estar na fase de grupos da Champions League a partir da época 2018/2019.
Só entra o campeão nacional e o segundo classificado do campeonato irá a uma pré eliminatória para se tentar apurar.

Hoje, mais uma vez, uma expulsão nesta eliminatória do FC Porto com a Juventus. Na primeira mão foi Alex Telles, hoje, foi Maxi - 'problema de defesas laterais'.

Se à partida na teoria era difícil, na prática e com estas expulsões à mistura ficou um sabor amargo, ou seja, tentar perceber onde chegava este FC Porto com 11 de cada lado nesta eliminatória.

Nunca se saberá, o que se sabe é que erros destes pagam-se caro, em especial o de Alex Telles na primeira mão.


«Onzes e sistemas oficiais de Juventus e FC Porto

Ela vai torcer pelo FC Porto

«FC Porto acredita na remontada»

Hoje, é dia de Juventus - FC Porto, um jogo em que os dragões terão de 'operar' um autêntico milagre para seguir em frente. Acho que não chateava ninguém que fosse um 'milagre' idêntico  ao de Roma na pré-eliminatória desta edição da Champions.

E, sim, poderia ser também a jogar contra dez a partir dos 39 minutos, ou, a partir dos 50 minutos contra nove jogadores.

Cada jogo de futebol é uma história e já se viu de tudo nos últimos dias em termos de 'remontada'.

Claro que esta Juventus não é a Roma, mas sonhar não paga imposto.

Lembram-se da frase do nosso seleccionador José Torres no apuramento para o mundial do México 86?!..., num célebre jogo na Alemanha?...

Eu ajudo - 'Deixem-me Sonhar!'...disse José Torres.
E o sonho concretizou-se!


"Ó Sr. Árbitro!"

"Ó Sr. Árbitro!",...é o novo programa da SIC Notícias que tem como figura principal o ex-árbitro Duarte Gomes.
Cada vez temos mais ex árbitros com tempo de antena e isso tem de ser visto como positivo, apesar das análises feitas sobre alguns lances em determinados jogos serem diferentes de árbitro para árbitro. E isso confunde o adepto comum.
De qualquer maneira, é um bom ponto de partida para ver se tudo isto acalma, porque normalizar é difícil, enquanto as nossas televisões continuarem com programas de merda com adeptos fanáticos analisando lances com '69 repetições'.


segunda-feira, 13 de março de 2017

Temos Benfica e temos FC Porto

E as minhas 'reticências' em relação ao jogo de hoje foram por água abaixo e ainda bem para os benfiquistas.

Pressentia que era importante o Benfica começar bem o jogo de hoje para não perder a liderança e, confirmou-se, os encarnados marcaram cedo e tal como os meus amigos diziam, o jogo também se tornou fácil. Esta 'rapaziada' está motivadíssima para este último terço do campeonato.

Nem parecia que vinham de uma 'goleada' em Dortmund!, mas, lá está, os adeptos estão novamente 'empurrando' e de que maneira esta equipa rumo ao tetra tão desejado pelos encarnados, algo que só os rivais directos já saborearam mas as águias não!

Temos Benfica e temos FC Porto para uma luta idêntica à da época anterior com o Sporting ?!..., desta vez, com o FC Porto em vez do Sporting?...

Acho que sim, mas isso só se poderá confirmar a cem por cento no jogo da 27 ª jornada quando o Benfica receber o FC Porto,...e é já no primeiro fim de semana de Abril.


A relaxar antes do jogo da Luz

Benfica com jogo complicado

Inicia-se hoje um novo ciclo na Luz, com um Benfica ausente das competições europeias e concentrado apenas no campeonato e na Taça de Portugal!
 
Não é novidade para ninguém que esta época do Benfica tem um sabor agridoce, com tantas lesões ainda não foi possível a Rui Vitória efectuar meia dúzia de jogos seguidos com o mesmo onze e assim criar rotinas.
 
Mesmo assim, foi líder até à última sexta-feira (- 1 jogo por realizar, hoje) e poderá voltar a ser logo mais se somar os três pontos contra a rapaziada do Restelo.
 
Este jogo de hoje ou começa bem para os encarnados ou a liderança pode ficar pelo caminho. Dizem-me alguns amigos que se o Benfica marcar cedo o jogo se poderá  tornar fácil,...mas tenho muitas dúvidas que assim seja.
 
 
Este Benfica não me tem convencido nestas últimas jornadas.

 

domingo, 12 de março de 2017

Uma boa semana a todos os que por aqui passam

Recordando Vítor Damas

O Benfica - Marselha e a mão de Vata

Quarta-feira, 18 de Abril de 1990 e o Estádio da Luz à cunha para um jogo inesquecível do Benfica, em que a mão de Vata (o Vata continua afirmando que o golo foi com o peito) qualificou o Benfica para a final da Taça dos Campeões europeus de 1990 frente ao AC Milan.

O Benfica tinha perdido em França por 2-1 no jogo da primeira mão. Bernard Tapie dominava os 'bastidores do futebol' da altura mas na luz saiu-lhe o tiro pela culatra.

Em baixo, os jogos das meias finais, resumos/ reportagens e a final frente ao AC Milan.

O campeonato do César Brito

Hoje em dia fala-se muito da 'dita coação' aos árbitros e a malta mais nova poderá pensar que isto do futebol português está como nunca esteve. Enganam-se!, sempre houve e a década de 90 do futebol português teve peripécias para todos os gostos.

Antes de continuarem a ler o texto, deixem a 'clubite' de lado porque não havia inocentes no que aos grandes do nosso futebol dizia respeito.

Esta reportagem é sobre o campeonato de 1990/1991, mas outras virão.

Valia tudo para condicionar o adversário e lembro-me de uma história em que para um Benfica - FC Porto o trio de arbitragem estava minado pelos fiscais de linha da altura.

Sem o chefe de equipa perceber, um dos auxiliares estava 'comprado' pelo FC Porto e o outro pelo Benfica. Que grande açorda, hein?!...

Em baixo a reportagem da época em si.


Bas Dost é o cara

Bas Dost soma e segue na lista dos melhores marcadores do campeonato, lidera com 6 golos de avanço em relação a Soares, do FC Porto. Bas Dost é um dos pontas lanças puros ainda existentes no nosso futebol português.

Ontem, em Tondela, foi um poker na vitória do Sporting por quatro a um. E na corrida à bola de ouro, está em segundo lugar a um golo de Messi.

Por falar em goleadores do Sporting, recorde em baixo o último grande artilheiro leonino da época 2001/2002 , ano em que o Sporting conquistou a última dobradinha.

Mário Jardel nessa época realizou 41 jogos, marcou 42 golos no campeonato, e 55 no total de todas as provas.




sábado, 11 de março de 2017

Quando o Benfica dedicou a Taça de Portugal a Miki Fehér

Recordando uma Taça de Portugal que o Benfica de Camacho venceu ao FC Porto de José Mourinho. 

Esta final da taça foi disputada a 16 de Maio de 2004. 
Miki Fehér tinha efectuado dois jogos nesta edição da Taça de Portugal, e faleceu sensivelmente 4 meses antes deste jogo. 

O FC Porto de Mourinho, além do campeonato e supertaça, viria a vencer a Champions League nessa época.


 

Hoje o Tondela recebe o Sporting